Tradução Escrita

Tradução Escrita - Método de Tradução Escrita

A qualidade das traduções escritas da Vice Versa Tradução Escrita e Interpretação é garantida pelo método de tradução descrito a seguir.

 Etapas de tradução e revisão:

 1.   Ler

       Durante a leitura, o tradutor se familiariza com o texto e o entende como um todo.

 2.   Traduzir

 Durante a tradução, o tradutor consulta os seguintes materiais:

 - Glossários do cliente ou sobre o assunto. A Vice Versa Tradução Escrita e Interpretação cria glossários para cada cliente e mantém atualizados glossários para cada assunto: agribusiness (açúcar e álcool, etanol, carne bovina, suína e de aves, veterinária); negócios (finanças, bancos, economia, contabilidade); termos técnicos (engenharia civil, engenharia mecânica, engenharia elétrica); informática; termos de papel e da indústria gráfica; medicina, entre outros.

 - Dicionário Inglês-Português-Inglês da Editora Porto. Esta é uma ótima sugestão, mas pode-se usar outro.

- Vocabulando, de autoria da Isa Mara Lando. Esta é a bíblia dos tradutores e deve ser consultada em todas as traduções.

 - Dicionário de Português. Sugerimos o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa e o iDicionário Aulete. Para quem tem conta na UOL, eles podem ser acessados em

 - Copernic. O Copernic é um programa que indexa seu computador e possibilita que você faça pesquisas dentro de seu próprio computador. O Copernic pode ser baixado gratuitamente em www.copernic.com.

 Você também pode usar o GoogleDesktop ou qualquer outra ferramenta de indexação.

 3.   Ler a tradução na tela(somente a tradução)

      Por quê? Ao fazer a primeira leitura na tela, o tradutor faz as primeiras correções e vai refinando o texto corrigindo concordâncias, estilo e melhorando a fluência.

 4.   Cotejo no papel: comparar o original e a tradução, palavra por palavra.

       Por que imprimir o material para fazer o cotejo? Porque está comprovado que há mais chances de se encontrar erros no papel do que na tela.

 5.   Inserir as correções

 6.   Fazer a leitura final da tradução

 7.   Passar o corretor ortográfico

Laudas X Palavras - Como é feito o orçamento de tradução escrita? Em laudas ou palavras?   

Existem duas maneiras de orçar uma tradução escrita: por laudas ou palavras

www.menwatchessell.com

A Vice Versa Tradução Escrita e Interpretação faz o cálculo das traduções por palavras. As palavras são a maneira mais objetiva e justa de se calcular o tamanho de um texto, e o cliente já sabe quanto vai pagar de antemão. Não trabalhamos com laudas porque há muitas variações de cálculos.

 

Antigamente as pessoas trabalhavam com laudas porque não havia computadores para fazer esse cálculo, portanto o número de linhas por página era calculado manualmente. Quando foi lançado o Word®, foi possível contar os caracteres que, por sua vez, eram divididos em laudas. Foram definidos vários tamanhos de laudas: 1.000 caracteres com espaço, 1.000 caracteres sem espaço, 1.200 caracteres com espaço, 1.200 caracteres com espaço ou qualquer outro parâmetro que o tradutor desejasse. Essa diferença de parâmetros dava margem a muita confusão. Além disso, o cálculo final era feito sempre sobre a versão traduzida, ou seja, no final do trabalho. E frequentemente o cliente pagava um valor maior do que o orçado.

 

Hoje em dia, a contagem por palavras é empregada internacionalmente. Como se baseia no texto original, é a maneira mais objetiva e justa para a preparação de um orçamento de tradução.

 

A única exceção se aplica a textos cujas palavras não podem ser contadas por um software. Se o texto estiver impresso, será feita uma estimativa manualmente.



Tradução X Interpretação - Qual é a diferença entre traduzir e interpretar?

Dentro do jargão dos tradutores e intérpretes, traduzir significa fazer uma tradução de um texto escrito e interpretar significa fazer uma tradução oralmente de uma fala, palestra, conferência ou discurso.



Tradução Simultânea

CÁLCULO DE CABINES E INTÉRPRETES - Como calcular a quantidade de cabines e intérpretes necessários para realizar a tradução simultânea?

DICA DA VICE VERSA: Para calcular o número de cabines, basta pegar o número de idiomas e subtrair por um.

 

Fórmula: N° de cabines = N° de idiomas – 1

 

Por exemplo:

 

2 idiomas = 1 cabine (inglês-português)
3 idiomas = 2 cabines (inglês-espanhol-português)
4 idiomas = 3 cabines (inglês-espanhol-francês-português)
5 idiomas = 4 cabines (inglês-espanhol-francês-italiano-português)
6 idiomas = 5 cabines (inglês-espanhol-francês-italiano-alemão-português)

INTÉRPRETES

DICA DA VICE VERSA: Para calcular o número de intérpretes, basta multiplicar o número de cabines por 2.

Fórmula: N° de intérpretes = N° de cabines X 2
www.swisstimepieces.net

IDIOMAS

CABINES

INTÉRPRETES

EXEMPLOS DE IDIOMAS



2 idiomas

1 cabine

2 intérpretes

Inglês-português

3 idiomas

2 cabines

4 intérpretes

Inglês-espanhol- português

4 idiomas

3 cabines

6 intérpretes

Inglês-espanhol-francês-português

5 idiomas

4 cabines

8 intérpretes

Inglês-espanhol-francês-italiano-português

6 idiomas

5 cabines

10 intérpretes

Inglês-espanhol-francês-italiano-alemão-português

 



2 INTÉRPRETES - Por que o orçamento inclui dois intérpretes quando solicitei apenas um?

A interpretação simultânea é feita obrigatoriamente em duplas. Os intérpretes se revezam a cada 20 ou 30 minutos. Segundo estudos, o altíssimo nível de concentração e o desgaste mental exigido dos intérpretes perdem somente para os controladores de vôo.

 

Mesmo que o evento tenha curta duração, de uma hora por exemplo, o trabalho em dupla é uma segurança para o cliente, pois se ocorrer algum imprevisto com o intérprete, sempre haverá seu colega pronto para fazer a tradução em tempo hábil.

 

Assim garantimos a qualidade da tradução e a perfeita comunicação para o sucesso do seu evento.

 



1 HORA E 2 INTÉRPRETES - Meu evento tem apenas 1 hora, por que há 2 intérpretes no orçamento? 

A interpretação simultânea é feita obrigatoriamente em duplas. Os intérpretes se revezam a cada 20 ou 30 minutos. Segundo estudos, o altíssimo nível de concentração e o desgaste mental exigido dos intérpretes perdem somente para os controladores de vôo.

 

 Mesmo que o evento tenha curta duração, de uma hora por exemplo, o trabalho em dupla é uma segurança para o cliente, pois se ocorrer algum imprevisto com o intérprete, SEMPRE haverá seu colega pronto para fazer a tradução em tempo hábil.

 

 Outro fator importante é a diferença entre o tempo estimado e o real. Frequentemente ocorre de o cliente solicitar 1 hora (portanto, um intérprete), e durante o evento esta 1 hora se multiplicar em 2, 3 horas ou até mais. Neste caso, pelos motivos explicados acima, um único intérprete não pode garantir a qualidade, uma vez que seu nível de concentração e a voz estarão afetados.

1 HORA E 1 PALESTRANTE - Meu evento terá tradução apenas do inglês para o português. Por que o orçamento traz 6 horas de tradução já que apenas há um palestrante estrangeiro, que dará uma palestra de uma hora?

TRADUÇÃO PARA ESTRANGEIROS, NÃO SOMENTE PARA BRASILEIROS

 

O que geralmente ocorre é que os estrangeiros têm interesse em ouvir a palestra dos colegas brasileiros e, portanto, a tradução para o inglês também seria necessária. É muito raro que os estrangeiros venham dar uma palestra e saiam do evento logo em seguida. Se eles se deslocaram de tão longe, não faria muito sentido não participar de todo o evento.

 

Como o custo é o mesmo para 1 ou 6 horas de trabalho, faz sentido manter a tradução também para os palestrantes estrangeiros.



2 IDIOMAS E 4 INTÉRPRETES - Será que realmente preciso de quatro intérpretes para fazer uma tradução de inglês, espanhol e português?   

Em um evento com 3 idiomas: inglês, espanhol e português, são necessários 4 intérpretes, que trabalharão em duas cabines com comunicação entre si por “relay”, um recurso que permite que os intérpretes de uma cabine possam escutar os intérpretes da outra cabine, de forma a se poder traduzir para os 3 idiomas.

 

Por exemplo, quando se estiver falando o português, as cabines traduzirão para o espanhol e o inglês. Quando se estiver falando o inglês, a tradução será feita para o espanhol e para o português. Quando se estiver falando o espanhol, a tradução será feita para o português e para o inglês.

 



2 SALAS - Meu evento será realizado em duas salas, para os idiomas inglês, espanhol e português. De quantos intérpretes preciso?   

Como a interpretação simultânea é feita em duplas, são necessários 4 intérpretes por sala: 2 para inglês e 2 para espanhol. Portanto, para 2 salas, são necessários 8 intérpretes.

CONSECUTIVA - Os equipamentos são realmente necessários? O intérprete não pode fazer uma tradução consecutiva?   

A cabine e receptores são realmente necessários. São o instrumento de trabalho do intérprete. Sem os equipamentos, é impossível realizar a tradução simultânea.


O número de participantes e o tamanho da sala não influem. Mesmo que haja apenas um ouvinte na platéia, o equipamento é necessário. Esse arranjo é bastante comum nos eventos. 

Os intérpretes somente conseguem traduzir o que ouvem claramente. Portanto, a cabine tem duas funções básicas:
1) Fazer com que os intérpretes tenham uma boa recepção do som do palestrante e
2) Isolar o som produzido pelos intérpretes.

Fazer um evento sem equipamentos é semelhante a tentar trocar o pneu do carro sem a chave de rodas. Sem o instrumento necessário, não é possível realizar o trabalho.

 

DESVANTAGENS DA TRADUÇÃO CONSECUTIVA

 

Seguem abaixo algumas desvantagens da tradução consecutiva:

 

1) DOBRO DO TEMPO

É necessário o dobro do tempo para a realização do evento. Por exemplo, se o evento seria realizado das 9.00 às 13.00 (4 horas) com tradução simultânea com equipamentos, o tempo aumentaria para das 9.00 às 17.00 (8 horas) com consecutiva. Portanto, o cliente teria um custo maior em tarifa do intérprete. Segundo as normas de mercado, os intérpretes trabalham por um período de 6 horas e cobram 30% por hora adicional.

 

2) DOBRO DO CUSTO

Uma vez que o tempo do evento dobra, todos os outros custos dobram (intérpretes, recepcionistas, palestrantes, funcionários, outros fornecedores, aluguel do espaço, serviço de buffet, etc.). Portanto, fica mais barato contratar os equipamentos de tradução simultânea do que arcar com o dobro de vários outros custos.

 

Uma das maiores preocupações dos clientes é o custo da locação dos equipamentos. Porém, os equipamentos são extremamente necessários para que a mensagem seja bem transmitida ao público. Portanto, deixar de contratá-los constituiria uma falsa economia entre tantos gastos.

 

3) PERDA DE QUALIDADE E PRECISÃO NA TRANSMISSÃO DA MENSAGEM

Na tradução simultânea com equipamentos, os detalhes da mensagem são transmitidos em tempo real e o mais fielmente possível. Na consecutiva, o intérprete tem de memorizar o que foi dito pelo palestrante. Uma vez que a memória é limitada, o intérprete pode perder números, nomes, detalhes e até mesmo parte da mensagem. Além disso, ele pode colocar a ênfase em outro ponto da mensagem, o que raramente acontece quando se faz tradução simultânea.

 

4) O QUE NÃO É OUVIDO NÃO É TRADUZIDO

Na tradução simultânea com equipamentos, o intérprete recebe o som do palestrante diretamente nos fones de ouvido. Além disso, está fisicamente isolado dos sons externos da sala. Na consecutiva, o intérprete tem de se esforçar para ouvir, o que muitas vezes é impossível se o palestrante falar baixo, virar o rosto para o lado oposto ao intérprete, se houver ruídos de fundo ou conversas paralelas. Portanto, o que não se ouve, não pode ser traduzido.

 

5) INCÔMODO PARA O PALESTRANTE

Os estrangeiros geralmente se sentem incomodados com a proximidade física do intérprete. Não é nada agradável ter alguém cochichando ao seu ouvido por 6 horas seguidas.

 

Uma vez que a memória operacional de curto prazo é limitada a poucos fatos, o intérprete será obrigado a pedir frequentemente que o palestrante pare para permitir a tradução. Com essas interrupções incessantes, o palestrante poderá perder o fio da meada ou até mesmo se alterar.

 

6) INCÔMODO PARA A PLATÉIA

O público será obrigado a ouvir a mensagem 2 vezes: a primeira pelo conferencista e a segunda pelo intérprete. O participante que não precisar da interpretação terá de ouvir a tradução quer queira, quer não. A simultânea permite que quem não precise do serviço não pegue o radinho.

 

7) EQUIPAMENTO DE SIMULTÂNEA OU EQUIPAMENTO PORTÁTIL?

Em 98% dos casos, há indicação para equipamentos de interpretação simultânea (cabine, transmissor e receptores). Somente em casos específicos, como visitas a fábricas e trabalhos a campo, recomenda-se o uso do equipamento portátil que permite a livre movimentação dos participantes.

 

 



ESPANHOL - Por que devo confirmar a contratação da interpretação simultânea espanhol-português o mais rapidamente possível?

Recomendamos que a contratação dos intérpretes espanhol-português seja fechada o www.swisstimepieces.net mais rapidamente possível dada à quantidade reduzida de intérpretes para esses idiomas. O mercado oferece poucos intérpretes que possuem o domínio completo do espanhol e do português sem que haja interferências linguísticas de sotaque e gramática. Portanto, garanta seus intérpretes de qualidade o quanto antes.



ESPANHOL - Preciso mesmo contratar intérpretes de espanhol já que os brasileiros entendem?

A IMPORTÂNCIA DA INTERPRETAÇÃO DO ESPANHOL

É muito comum que se acredite que não é necessária a tradução do espanhol para o português. Isso ocorre porque existem vários mitos sobre esse idioma.

 

Mito 1: Todos os brasileiros entendem espanhol.

Isso não é verdade. O espanhol é falado em 24 países. O que significa que pode haver até 24 variações relativas ao vocabulário de tantos países. O intérprete profissional conhece essa terminologia e conseguirá identificar essas diferenças e traduzi-las adequadamente.

 

Mito 2: Espanhol é fácil

Não necessariamente. É verdade que um brasileiro pode se comunicar em um país de língua espanhola quando está fazendo turismo. Entretanto, num evento importante, o nível do idioma é bastante elevado e requer um intérprete profissional.

Além disso, quando o palestrante falar numa velocidade muito rápida, que é o que normalmente ocorre, há uma grande chance de os brasileiros não entenderem a mensagem, mesmo que falem um pouco.

 

Mito 3: Os falantes de espanhol entendem português

Isso não é verdade. Os falantes de espanhol NÃO entendem português. Há semelhanças entre os dois idiomas, porém é muito mais fácil que um brasileiro entenda espanhol do que um falante de espanhol entenda português. Isso ocorre também com outros idiomas muito próximos como alemão e holandês.

 

Mito 4: Os falantes de espanhol não se importam em ouvir português

Quando o cliente opta por não ter interpretação do português para espanhol, geralmente os falantes do espanhol ficam extremamente chateados porque pensam que não é dada tanta importância ao espanhol quanto ao inglês. E é fato que falantes de espanhol NÃO entendem português. Muitas vezes perguntam aos intérpretes de inglês por que o cliente não contratou espanhol. A economia de custos não se justifica nesse caso porque será criado um clima de desconforto entre os participantes.

 

Mito 5: Os intérpretes de inglês certamente traduzem espanhol

Não necessariamente. Em geral, os intérpretes de inglês traduzem apenas inglês-português porque o espanhol necessário para a interpretação deve ser de altíssimo nível, demandando anos de estudo do espanhol. Quando o cliente desejar um intérprete trilingue, isso deve ser claramente solicitado para que posamos fornecer intérpretes de inglês-espanhol-português.

 

Questão técnica: Equipamentos de interpretação (cabines) para inglês e espanhol

Mesmo que o intérprete tenha domínio de inglês, espanhol e português, para que haja tradução para esses três idiomas ao mesmo tempo, são necessárias duas cabines de tradução.

 

E se o cliente optar por apenas 1 cabine com um intérprete trilingue?

Vamos supor que tenha sido contratada uma equipe para traduzir do português para o inglês. Se houver palestrantes de espanhol, para que língua os intérpretes devem traduzir - inglês ou português? Sempre haverá alguém na platéia que não receberá tradução.

 

Preparação do Intérprete

Quando um tradutor é contratado para fazer português e inglês, mesmo sendo trilíngue, ele vai se preparar para trabalhar com essas duas línguas. Todos os termos técnicos serão pesquisados em português e inglês, mas não em espanhol.

 



MESES DE PICO PARA INTERPRETAÇÃO - Quando devo confirmar a contratação dos intérpretes?

Os meses de maio, junho, setembro, outubro e novembro são um período de pico para eventos com interpretação simultânea. Recomendamos que o trabalho seja fechado o mais rapidamente possível para que os melhores profissionais estejam reservados para seu evento. Nesta época do ano, os intérpretes fecham a agenda com o primeiro cliente que efetuar a confirmação.



MATERIAIS - Por que preciso enviar os materiais para os intérpretes?

Os tradutores ou intérpretes se preparam para seu evento. Às vezes dedicam semanas de estudo para fazer um dia de tradução. Para isso, precisam de materiais como:

- Programa ou agenda do evento

- Power Points (pode ser uma versão desatualizada usada em um evento anterior)

- Nome dos palestrantes

- Discurso do mestre de cerimônias

- Biografias dos palestrantes (as biografias que serão lidas antes de o palestrante ser chamado ao palco)

- Materiais de referência



MATERIAIS - Não posso enviar os materiais porque o palestrante vai fazer alterações na véspera do evento.

Qualquer versão do material, por mais desatualizada que seja, já é suficiente para a preparação dos intérpretes. Você pode enviar um material utilizado no ano passado.

Por que os tradutores não precisam da versão mais atualizada? Porque, durante a pesquisa, identificamos abreviações e siglas, nomes de produtos, nomes de pessoas e entidades.

 



GLOSSÁRIO DO CLIENTE

Além disso, a Vice Versa Tradução Escrita e Interpretação cria um glossário especialmente para cada evento.



GLOSSÁRIO DO EVENTO SOBRE CIRURGIA E PRÓTESE TOTAL DA ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR (ATM)

 

PALAVRAS IMPORTANTES

 

adhesion – aderência

crowding – apinhamento

internal derangement (ID) – distúrbio interno

jaw – maxila, mandíbula

mandible - mandíbula

prosthesis /prós ‘the sis/ - prótese

prosthetic joint /prós ‘the tic/ - protético

vessel – vaso



 

 

 SIGLAS E ABREVIAÇÕES:

 

INGLÊS:

AB – Antibiotics = Antibióticos

ADD - Anterior Disc Displacement = Deslocamento anterior do disco

AEN - Supernumerary Alveolus = AEN - alvéolo do extranumerário

aPC - post-canine alveolus = aPC - alvéolo do pós-canino

Articular disc = D – Disco Articular

articular eminence of the temporal bone = EA – Eminência Articular do Osso Temporal

B&J – Bone and Joint

bilaminar zone = ZB – Zona Bilaminar

BM - bimanually manipulated (BM) position

C - chondromalacia = C – Condromalácia

CA – Cancer = CA – câncer

CAD – computer Assisted Design

CAM – computer Assisted Manufactured

CCL - Chronic Closed Lock = Travamento Fechado Crônico

CD – Complete Dentures

CI - Confidence Interval = intervalo de confiança

CMS - Computerized Mandibular Scanning

CN – Cranial Nerve = Nervo Craniano

CO – Centric Occlusion = Oclusão Cêntrica

CR – Centric Relation = Relação Cêntrica

CT scan = TC – Tomografia Computadorizada

d - diastema = d - diastema

Disc perforation = P - Perfuração Discal

DJD - Degenerative Joint Disease = doença óssea degenerativa; mudanças ósseas degenerativas

DMC - Duration of Muscle Contraction before tooth contact (DMC)

DTC - Duration of Tooth Contact

DTC - Double Tooth Contact

DTM - total duration of muscle contraction (DTM)

em – supernumerary = em – extranumerário

EMG - electromyographic = eletromiográfico

EMG - electromyography = eletromiografia

f/u – follow-up = acompanhamento

fibrous band = BF - Banda Fibrosa

fibrous cartilage = FC – Fibrocartilagem

FPD – Fixed Partial Dentures

FX – fracture = fratura

HA - headache – cefaléia

HS - h.s. hora somni - at bedtime

IBS – Irritable Bowel Syndrome – Síndrome do Intestino Irritável

ICR – Idiopathic Condylar Resorption – reabsorção condilar idiopática

ID – internal derangement = distúrbio interno

JRA - Juvenile Rheumatoid Arthritis – artrite reumatóide juvenil

K6-I Myotronics- computerized jaw tracking equipment

LG - leaf gauge (LG) bite positions

M - Myocentric = miocêntrico

MFP – Maxillofacial Prosthetics

MIO – Maximum Incisive Opening

MR diagnosis – diagnóstico por ressonância magnética

MRI - Magnetic Resonance Imaging = Ressonância Magnética; RNM – ressonância nuclear magnética

MRSA – Methieillen Resistent Staphyloccocus Aureus

muscle HA – muscle headache = cefaléia de origem muscular

MVC – Motor Vehicle Crash = acidente veicular; acidente de automóvel

NM – neuromuscular = neuromuscular

NM bite – NeuroMuscular bite = Mordida neuromuscular

NSAID - non-steroidal anti-inflammatory drug = AINEs - antinflamatórios não esteroidais

NV – neurovascular = neurovascular

NV/V HA – neurovascular/vascular headache = cefaléia de origem neurovascular/vascular

OA - Osteoarthritis – OA -osteoartrite

PC - post-canine = PC - pós-canino

PCR – Progressive Condylar Resorption = reabsorção condilar progressiva

pt - patient = paciente

PT - physical therapy = fisioterapia

QHS - q.h.s. quaque hora somni - every night at bedtime

QOL – quality of life = qualidade de vida

RA – Reumathoid Arthritis = artrite reumatóide

RANKL = Receptor Activator for Nuclear Factor Kappa β Ligand

RCT – Randomized Clinical Trial = Ensaio Clínico Randomizado

RDC for TMD - Research Diagnostic Criteria for Temporomandibular Disorders (RDC/TMD) - Critérios Diagnósticos de Pesquisa em Disfunção Temporomandibular (DTM)

ROM – Range of Motion = amplitude de movimento

RPD – Removable Partial Dentures = Dentaduras Parciais Removíveis

S - Synovitis = S – Sinovite

S = Swallow Bite

SSI – Surgical Site Infection = Infecção no Campo Cirúrgico

STC - single tooth contact

subchondral erosion = EC – Erosão Subcondral

TJR - Total Joint Replacement

TKA – Total Knee Arthroplasty = Artroplastia Total do Joelho

TMD - Temporomandibular Disorders = DTM - Disfunção Temporomandibular

TMJ- Temporomandibular Joint = ATM – Articulação Temporomandibular

TMJ ROM – TMJ Range of Motion – Amplitude de Movimento da ATM

TNF – tumor necrosing factor =

V HA - vascular headache = cefaléia de origem vascular

VAS – Visual Analog Scale

VD – Vertical Dimension = Dimensão Vertical

VDO – Vertical dimension of occlusion = Dimensão Vertical da Oclusão

 

PORTUGUÊS

AD – Aderências Fibrosas Articulares

BSA – Bolsa Sinovial Anterior

BSP – Bolsa Sinovial Posterior





MATERIAIS - Há mensagens que podemos enviar aos palestrantes solicitando materiais?

 


Sim. Segue abaixo uma sugestão de mensagem solicitando materiais aos palestrantes (em Português, Inglês e Espanhol):  MENSAGEM EM INGLÊS:

Dear Mr./Mrs.

Since your presentation will be simultaneously interpreted into Portuguese, we would like to request you to send us the material that will be presented (e.g. Power Point slides) and, if possible, any supporting material on the subject, so that the interpreters can prepare properly to deliver the best possible translation of your lecture to the Brazilian audience. Should you not have an up-to-date version of your talk, we would nonetheless appreciate your sending us a similar talk from recent years, since it will contain vocabulary, acronyms, names of products and ideas that will help our research into the topic. If necessary, we can sign a confidentiality agreement regarding the material. 

Please send your presentation to clarice@viceversatrad.com.br (Clarice Ferreira – Vice Versa Tradução) with copy to E-MAIL (NOME DO CONTATO – EMPRESA).

Best Regards,  

Nome de quem assinará o e-mail

MENSAGEM EM PORTUGUÊS:

Prezado Senhor/Senhora

Uma vez que sua palestra terá tradução simultânea para o inglês, solicitamos enviar o material a ser apresentado (Power Point). O material não precisa estar atualizado. Qualquer apresentação dada anteriormente será útil. Para que o conteúdo de sua palestra seja comunicado da melhor forma possível, os intérpretes precisam se preparar com antecedência fazendo a pesquisa da terminologia, siglas e abreviações, nomes de produtos, instituições e pessoas. Se necessário, podemos assinar um contrato de confidencialidade.

Por favor, enviar o material para clarice@viceversatrad.com.br (Clarice Ferreira – Vice Versa Tradução) com cópia para E-MAIL (NOME DO CONTATO – EMPRESA).

Atenciosamente,

Nome de quem assinará o e-mail

MENSAGEM EM ESPANHOL:

Distinguido Señor/Señora,

Como habrá interpretación simultánea de su conferencia/intervención al Portugués/Inglés/Francés, con la intención de poder llevar a cabo un trabajo de la más alta calidad, le rogamos que nos envíe su presentación (ya sea en Word, Power Point o en otra herramienta), así como cualquier material de apoyo que considere útil para que los intérpretes se preparen y puedan ofrecer un trabajo de excelencia.   Tenga la amabilidad de enviar dicho material lo antes posible a la dirección de correo electrónico clarice@viceversatrad.com.br (Clarice Ferreira, Vice Versa Tradução) con copia a (colocar e-mail) (colocar nome do contato e empresa).

Un cordial saludo,

(nome de quem assinará)

MATERIAIS CONFIDENCIAIS - Os materiais são confidenciais, por isso não posso enviá-los aos intérpretes.

Os intérpretes se comprometem a assinar um termo de confidencialidade a respeito dos materiais recebidos.

 

Em última análise, os intérpretes terão acesso ao material no momento da tradução. Por isso nos comprometemos a manter o sigilo antes, durante e depois do evento. E tendo acesso aos materiais com antecedência, os tradutores podem se preparar para transmitir seu conteúdo para os participantes do evento com mais precisão.

 



COMO CONTRATAR INTERPRETAÇÃO - Quais critérios devem ser usados para contratar uma interpretação simultânea português-inglês?

O profissional de interpretação deve demonstrar experiência ou proficiência em interpretação simultânea.

 

Recomendamos que seja contratado um intérprete com experiência em sua área de atuação. Caso ele não estja disponível, o critério de seleção será o intérprete mais experiente porque ele consegue lidar com praticamente todas as áreas de conhecimento.

 

 

Não se esqueça de contratar os equipamentos de tradução: cabine, transmissor, receptores, etc. Geralmente os intérpretes são contratados com uma empresa e os equipamentos, por outra.



COMO CONTRATAR INTERPRETAÇÃO - Quais critérios devem ser usados para contratar uma interpretação simultânea inglês-português?

Os intérpretes devem demonstrar experiência ou proficiência em interpretação simultânea.

 

Não se esqueça de contratar os equipamentos de tradução: cabine, transmissor, receptores, etc. Geralmente os intérpretes são contratados com uma empresa e os equipamentos, por outra.



MISSÃO VETERINÁRIA - O que são missões veterinárias?

Missões Veterinárias

 

A Vice Versa Tradução Escrita e Interpretação acompanha missões veterinárias desde 2004. Atualmente temos uma equipe de 11 intérpretes treinados no acompanhamento de missões da União Européia, Canadá e Estados Unidos, que incluem saúde pública (abatedouros/frigoríficos, plantas de desossa, entrepostos, portos, aeroportos, fábrica de gelatina, curtumes), saúde animal (fazendas), bem-estar animal, resíduos (laboratórios, revendedores de medicamentos veterinários), laboratório de diagnósticos de febre aftosa e enfermidades veterinárias. Acompanhamos missões de bovinos, aves e suínos.

MISSÃO VETERINÁRIA - Como os intérpretes são selecionados para missões veterinárias?

 

Os intérpretes que já acompanharam missões são escolhidos conforme a experiência. Alguns têm mais experiência em abatedouros, outros em fazendas, outros em laboratórios.

 

A Vice Versa Tradução oferece um treinamento completo para os intérpretes que acompanham missões. Nesse curso, os seguintes tópicos são discutidos:

 

- O que são Missões Veterinárias estrangeiras?

- Qual é a função do Ministério da Agricultura?

- Como funciona a estrutura do Ministério da Agricultura?

- Como funcionam os Órgãos Estaduais de Agricultura?

- Inspeções in situ:

- Saúde pública (frigoríficos). Processo de produção de carne bovina, de aves e suína. Terminologia para abatedouros.

- Saúde animal (fazendas). Inspeção em fazendas. Terminologia de saúde animal e rastreabilidade.

- Resíduos (laboratórios). Terminologia de medicamentos veterinários, procedimentos laboratoriais e equipamentos. Pronúncia de terminologia médica.

- Postura do intérprete durante as missões.

- Ética em auditorias

GRANDES PLATÉIAS - Existe algum desconto para a tarifa dos intérpretes para uma platéia com 1.000 pessoas?   

O número de participantes não influencia no valor da tarifa dos intérpretes. A tradução pode ser feita para 1 ou 1.000 pessoas. É bastante comum que os intérpretes traduzam para apenas uma pessoa.

 

Há uma diferença de preço para a locação dos equipamentos porque os receptores são cobrados por unidade.

HOMENS - Preciso de um intérprete homem para um palestrante humem. Fica estranho uma mulher traduzir um homem.

A escolha de um intérprete é baseada na competência técnica do tradutor, no conhecimento do assunto do evento, na disponibilidade do intérprete e na confirmação com antecedência do trabalho.

 

Não há necessidade de haver um homem para "fazer o papel" de um palestrante masculino, nem de uma voz feminina para uma conferencista. Geralmente o público aceita bem o fato de haver uma mulher traduzindo um homem e vice-versa.

 

Além disso, 80% dos profissionais de interpretação no Brasil são mulheres. Por essa razão, é um desafio garantir a presença de 2 intérpretes masculinos.



COMO SE TORNAR UM INTÉRPRETE - O que é necessário para ser um intérprete de conferências?

Primeiramente os intérpretes de conferências devem ser extremamente fluentes em todos os idiomas de trabalho. Essa proficiência é atingida com muitos e muitos anos de estudo.

 

Após ter atingido a proficiência, o aluno pode fazer um curso de interpretação simultânea no qual aprende as técnicas de interpretação em cabine. São necessárias muitas horas de treinamento em cabine para que o aluno possa começar a fazer trabalhos mais fáceis. A prática de interpretação simultânea é fundamental para construir a base técnica e proporcionar confiança ao futuro intérprete.

 

Um dos caminhos mais comuns para a formação do intérprete é iniciar sua carreira com tradução escrita. Isso porque o profissional de tradução escrita está exposto a uma infinidade de áreas de conhecimento durante sua carreira. O acúmulo de vocabulário de várias especialidades é fundamental para os intérpretes de conferâncias que lidam com todo tipo de assunto.

 

O portifólio da Vice Versa Tradução Escrita e Interpretação engloba a tradução simultânea de áreas como agribusiness (bovinos, suínos e aves), missões veterinárias de saúde pública e animal, resíduos e laboratórios, agricultura (açúcar e álcool, biocombustíveis e energia), automobilística, negócios, finanças e investimentos, ecologia, meio ambiente e responsabilidade social, educação, embalagem e artes gráficas, engenharia, química, comunicação, gastronomia, hotelaria, turismo, moda e decoração, informática, medicina, farmacêutica e odontologia, música, pesquisa de mercado, publicidade, jornalismo, design e artes, religião e espiritualidade, segurança, sociologia, tecnologia, telecomunicações (telefonia celular, televisão, call center, TV por assinatura, satélites) treinamentos e convenções de vendas.



Notícias



Notícias, eventos e curiosidades.

contato@viceversatrad.com.br
+55 (11) 3569-1934 • +55 (11) 8200-9739